Google e Apple apostam na automação residencial



Finalmente chegou a hora de grandes empresas investirem no mundo da automação residencial.

Dentro de dois ou três anos, teremos a oferta de centenas de acessórios e eletroportáteis que se conectam ao seu smartphone. Isso facilitará a atualização tenoclógica da sua residência, fazendo com que sua casa, realmente, comece a ficar inteligente. Desta forma, a cultura do consumo tecnológico vai se voltar para equipamentos para o seu lar.

Assim como todos os gadgets – celulares, tablets, laptops e agora os wearables (“tecnologia que veste”, em tradução literal) – a automação residencial está prestes a se tornar onipresente.

 

A evolução da automação residencial está diretamente ligada ao movimento atual “Internet das coisas”. 

Numa descrição básica, “internet das coisas” é uma forma de se referir a qualquer dispositivo que não é um computador, mas que tem inteligência para receber e/ou enviar dados.

Tanto a Apple quanto a Google estão preparando novidades para o segmento.

A Google está investindo diretamente no segmento de automação residencial, trabalhando num sistema operacional para Android, de codinome “Brillo”. No próximo mês começa a conferência anual dos desenvolvedores da Google, e com certeza teremos muitas novidades.

Alguns sites de tecnologia já adiantam que uma das vantagens da Brillo é que consome muito pouca memória e energia, podendo ser executado em dispositivos diversos. Isso significa que os custos serão mais baixos, ou seja, poderão ser instalados de forma acessível em aparelhos domésticos, transformando chuveiros, lâmpadas e campainhas simples em equipamentos com inteligência.

Em duas semanas também teremos a conferência de desenvolvedores da Apple – a Worldwide Developers Conference. A empresa revelou seus planos de ampliação para a plataforma de automação residencial chamada HomeKit, divulgada no ano passado, mas que ainda está em testes.

Quase todas as grandes empresas de tecnologia se voltaram para o desenvolvimento de produtos para o mercado de automação residencial. 

Definitivamente, vivemos um momento de ruptura, na qual nossas casas finalmente serão tecnológicas!



http://www.nlinews.com/wp-content/uploads/2014/07/Wearable-tech11.jpg

Comentários