Acessibilidade e Design

Espaços acessíveis não precisam ser feios.
Aplicar as Leis e Normas de acessibilidade não significa abrir mão do design e beleza.
Um estudo adequado, com interferências pontuais, respeitando as limitações do indivíduo com técnica,  profissionalismo e bom gosto, pode transformar a vida de uma pessoa.
Um exemplo disso é o apartamento projetado pelo escritório CT Architects, na Bélgica.
Com visual contemporâneo, monocromático e harmonioso, este apartamento poderia ser ocupado por qualquer pessoa, mas foi pensado, justamente para garantir total autonomia a um usuário cadeirante.
Muita tecnologia foi aplicada no imóvel, sempre visando facilitar sua utilização. As portas de todos os armários tem acionamento remoto, abrem e fecham, sobem e descem com um simples comando. Todos os ambientes contam com automação, desde o controle de iluminação, motorização de cortinas e persianas, aquecimento e condicionamento de ar, acionamento de equipamentos em geral, além dos controles de segurança pessoal, como câmeras e monitoramento remoto.


A cama, com configuração hospitalar, conta com regulagem de altura e inclinação, barras laterais removíveis e botões para comando das ações. Também foram incluídos em seu painel, os comandos dos eletrônicos próximos. A cabeceira foi projetada para ser a escrivaninha do quarto, com design integrado e flutuante.
 Todo o mobiliário permite que o cadeirante tenha acesso à sua utilização, assim como eventuais convidados. A mesa de jantar com design arrojado e em laca branca se torna o destaque da área social.
 Corredores amplos, que integram os ambientes, garantem total mobilidade ao usuário.
 Os armários são totalmente acessíveis, permitindo o posicionamento da cadeira de rodas enquanto os objetos são manuseados nas portas superiores. Ou, quando definidas portas de piso a teto, estas são deslizantes, com total acesso ao seu interior.
 As bancadas da cozinha e do banheiro são lineares com a parte inferior livre para a aproximação da cadeira de rodas, permitindo que o usuário faça as atividades domésticas com total autonomia.

 Armários em forma de prateleiras também facilitam o acesso aos objetos.






 O design acessível! Esse é o nosso objetivo.

Comentários